Valéria Valença, a 1ª Globeleza, se destaca em filme sobre o carnaval

Duas mulheres foram – em épocas diferentes – importantes ao se colocarem (e as demais) como símbolos do Carnaval no país. São elas a compositora Chiquinha Gonzaga (1847-1935) e Valéria Valença, ela mesma: a primeira Globeleza a embalar as vinhetas da TV Globo nos períodos de folia. Essas duas mulheres têm seu pioneirismo reavivado num filme.

Era uma vez Carnaval conta a História da festa mais popular do país, indo de Chiquinha Gonzaga, autora de Ó, Abre Alas, primeira marchinha criada no país (e por uma mulher), passando pela primeira Globeleza, personificada por Valéria ao longo de dez anos, culminando na representatividade que a festa tem hoje no país. Realizado pela Brasil Paralelo, o documentário, de 37 minutos, está disponível para assinantes na plataforma Mediatech.

By wp_update-62O5Gr3B

You May Also Like