Bilionários da Forbes: de onde vem a fortuna dos homens mais ricos do Brasil

Jorge Paulo Lemann lidera a lista, seguido por Marcel Herrmann Telles, Eduardo Saverin, Carlos Alberto Sicupira e Alexandre Behring.

A Forbes divulgou nesta terça-feira (4) a lista anual dos mais ricos do mundo. No total, mais de 50 brasileiros integram o ranking — a maioria, homens.

Entre os cinco homens mais ricos do país, Jorge Paulo Lemann, sócio-fundador da 3G Capital Partners, lidera a lista, com uma fortuna de mais de US$ 15 bilhões. Além dele, outros três acionistas da companhia estão no topo do ranking de bilionários, assim como o cofundador do Facebook.

Veja abaixo os cinco homens mais ricos do Brasil de acordo com a Forbes, sua posição no ranking mundial e sua fortuna aproximada.

Jorge Paulo Lemann e família, na 108ª posição: US$ 15,8 bilhões
Marcel Herrmann Telles, na 165ª posição: US$ 10,6 bilhões
Eduardo Saverin, na 171ª posição: US$ 10,2 bilhões
Carlos Alberto Sicupira e família, na 232ª posição: US$ 8,6 bilhões
Alexandre Behring, na 511ª posição: US$ 5,2 bilhões
Veja abaixo de onde vem a fortuna dos homens mais ricos do Brasil.

Veja também: de onde vem a fortuna das mulheres mais ricas do Brasil
Jorge Paulo Lemann, sócio-fundador da 3G Capital Partners
O empresário Jorge Paulo Lemann se mantém como um dos mais ricos do Brasil mesmo após perdas recentes com o caso Americanas. Ele é um dos principais sócios da empresa de investimentos 3G Capital Partners, que aplica recursos na varejista e em outras empresas.

Nascido no Rio de Janeiro em 26 de agosto de 1939, Lemann tem dupla nacionalidade – é filho de suíços que imigraram para o Brasil no começo do século 20. Órfão de pai aos 14 anos, foi um estudante dedicado e, seguindo os passos de um primo, se formou em economia em Harvard.

Iniciou sua carreira atuando em bancos e financeiras até começar a atuar no mercado de capitais, o que o levou a se tornar, em meados da década de 1960, sócio da financeira Invesco, que quebrou em 1966. Lemann se tornou sócio, então, da corretora Libra, da qual tentou comprar o controle.

No começo de 1970, o empresário vendeu sua participação na corretora Libra por US$ 200 mil. No ano seguinte, comprou título da Corretora Garantia, onde viria a conhecer os sócios Marcel Herrmann Telles e Carlos Alberto Sicupira.

Mais tarde, tornou-se acionista controlador da Anheuser-Busch InBev, a maior cervejaria do mundo. Em 2016, a empresa comprou a cervejaria SABMiller por quase US$ 100 bilhões.

Lemann e seus sócios Telles e Sicupira também possuem participações na Restaurant Brands International, controladora do Burger King e da rede canadense de cafés Tim Hortons.

Marcel Herrmann Telles, sócio-fundador da 3G Capital Partners

O segundo homem mais rico do Brasil, de acordo com o ranking da Forbes, Marcel Herrmann Telles é sócio de Lemann e Sicupira na 3G Capital. O empresário nasceu no Rio de Janeiro, em 23 de fevereiro de de 1950, e estudou no Colégio Santo Inácio, um dos mais tradicionais do Rio.

Telles cursou economia na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Nos últimos períodos do curso, passou a direcionar sua formação profissional rumo ao mercado financeiro ao notar a ascensão econômica dos colegas de faculdade que já trabalhavam na área.

Começou sua carreira trabalhando para a corretora Marcelo Leite Barbosa, uma das maiores do país na época, conferindo boletos da bolsa de valores entre meia-noite e 6h da manhã. Pouco tempo depois, pediu transferência para a área de open market da corretora — o que não deu certo.

Decidiu, então, procurar outro emprego, cuja busca o levou ao Banco Garantia, onde conheceu os empresários Lemann e Sicupira, com os quais viria a formar, anos depois, um dos maiores impérios empresariais no Brasil.

Eduardo Saverin, o brasileiro que ajudou a criar o Facebook

Na lista dos mais ricos do país, Eduardo Saverin é conhecido por ser um dos cofundadores do Facebook, junto com Mark Zuckerberg, a quem conheceu enquanto estava na faculdade.

Saverin nasceu em 1982 na cidade de São Paulo, mas foi criado nos Estados Unidos. Ele se formou em economia em Harvard, onde conheceu Zuckerberg. Sua fortuna veio de uma participação minoritária do Facebook, que viria a crescer anos mais tarde.

Nos anos seguintes, Saverin e Zuckerberg discordaram sobre os rumos da empresa. O embate foi parar na Justiça e foi retratado no filme “A Rede Social” (2010), em que Saverin é interpretado pelo ator Andrew Garfield.

O empresário vive com a mulher e o filho em Singapura desde 2012, quando renunciou a sua cidadania americana e, desde 2016, é responsável pelo fundo de risco B Capital, criado com o Boston Consulting Group e o investidor Raj Ganguly.

Carlos Alberto Sicupira, sócio-fundador da 3G Capital Partners

A maior parcela da fortuna de Sicupira vem de suas ações na cervejaria AB InBev, com cerca de 3% de participação, segundo a Forbes. O bilionário é um dos principais sócios da empresa de investimentos 3G Capital, ao lado de Lemann e Telles.

Filho de uma dona de casa e um funcionário público que fez carreira no Banco do Brasil, Sicupira nasceu no Rio de Janeiro em 1º de maio de 1948.

Ainda adolescente, começou a empreender com venda de carros usados. Ele cursou administração de empresas na UFRJ e também tem especialização na Universidade de Harvard.

Em 2000, criou a Fundação Brava, que investe em projetos de melhoria da gestão pública e de organizações sem fins lucrativos. Ele também é um dos investidores da Fundação Estudar, entidade que oferece bolsas de estudo para estudantes talentosos nas melhores universidades do mundo.

By Camila Freitas

You May Also Like