sábado, setembro 23, 2023
Início Brasil Empresário que agrediu blogueira em Teresina já respondia a processo por bater...

Empresário que agrediu blogueira em Teresina já respondia a processo por bater na própria tia

Na decisão, o juiz proibiu Luís José de Moura Neto de se aproximar de Pâmela Xavier, da ex-namorada e outras duas mulheres, que também denunciaram o empresário por agressão.

O empresário Luís José de Moura Neto, preso por agredir a digital influencer Pâmela Xavier no rosto, foi posto em liberdade com uso de tornozeleira eletrônica. A decisão saiu na terça-feira (23) e o caso segue em segredo de justiça.

Na decisão, o juiz acatou o pedido de liberdade feito pela defesa e determinou medidas cautelares. Além do uso da tornozeleira, Luís Neto deve comparecer ao juizado quando solicitado e está proibido de se aproximar de Pâmela Xavier, da ex-namorada e outras duas mulheres, que também denunciaram o empresário por agressão.

Luís Neto ficou uma semana preso. A agressão contra a influencer ganhou repercussão após uma testemunha divulgar o vídeo em que a vítima desmaiou após levar um soco do empresário.

Quatro denúncias foram formalizadas contra Luís José de Moura Neto, identificado pela Polícia Civil pelo apelido “Gordim do Peixe”. As vítimas são a empresária Pâmela Xavier, de 27 anos, ex-namorada dele, a estudante Isabela Arruda e outras duas amigas de Pamela e Isabela.

Ex-namorada relata agressões durante namoro

A estudante Isabela Arruda, ex-namorada do suspeito de agredir a empresária Pâmela Xavier, contou as violências físicas e verbais que sofria durante o relacionamento.

Pâmela, amiga de Isabela, desmaiou após levar um soco do suspeito em frente ao condomínio da ex-namorada dele, na Zona Leste de Teresina.

Isabela e o suspeito namoraram por cerca de um mês. A estudante contou ser agredida verbalmente, principalmente quando ele ingeria bebida alcoólica.

“Ele dizia que eu era pobre, eu era gorda, que eu não tinha ninguém aqui, que eu era sozinha. Ele falava isso quando estava bêbado e, no outro dia, eu ia conversar com ele e ele dizia não se lembrar de nada, que não havia dito aquilo”, afirmou Isabela.

- Advertisment -

Brasil